Design

A Biblioteca Bilíngue de Literatura Infantil e Juvenil (Libras e Português) foi idealizada a partir dos resultados observados no Projeto de Extensão A Hora do Conto, desenvolvido desde 2013 na Faculdade de Letras da Universidade Federal de Goiás-UFG. Esse projeto reúne semanalmente surdos e ouvintes para acompanharem a leitura e a interpretação em Libras de contos dos Irmãos Grimm.

O formato de A Hora do conto amadureceu, gerando novas ações. No decorrer dos anos de 2015 e 2016, alunos do Curso de Letras: Libras participaram do PIBID, levando A hora do conto às salas de aula do Colégio Estadual Colemar Natal e Silva.  A Fundação  TV UFG interessou-se pelo projeto e propôs a criação de um interprograma: A hora do conto na TV, com as mesmas características do projeto presencial. A idéia de registrar os textos do projeto em livros audiovisuais, que pudessem ser utilizados por crianças surdas e cegas, foi o ponto de partida para a criação da Biblioteca Bilíngue de Literatura Infantil e Juvenil (Libras e Português).

O objetivo deste projeto é possibilitar o acesso de crianças surdas e deficientes visuais à literatura Infantil e Juvenil, especialmente aos contos de tradição oral. Acreditamos que os livros audiovisuais reunidos nesta Biblioteca poderão ser usados por professores e alunos de escolas inclusivas, na formação de alunos dos cursos de Letras Libras e Tradução, nas escolas bilíngües e também por pais de crianças surdas e deficientes visuais. O contato das crianças ouvintes com os textos bilíngües tem se mostrado útil como ferramenta complementar para a aquisição da Libras, promovendo assim maior integração entre surdos e ouvintes no ambiente escolar inclusivo.

Esta Biblioteca teve inicio com 12 contos dos Irmãos Grimm, mas estará em construção permanente, com a edição de novos livros audiovisuais e outras coleções, que deverão ser acrescentadas a este acervo inicial. O projeto final, com a criação de um site para abrigar a Biblioteca, só se tornou possível com o apoio cultural do Estado de Goiás através da Lei de Incentivo a Cultura.